Marketing Automation: Poderosa Ferramenta
9 Março, 2018
10 coisas que aprendi com o meu pai
19 Março, 2018
Mostrar tudo

O Dia da Liberdade de Informação

O dia mundial da liberdade de informação é reconhecido a 16 de março, data que assinala o nascimento do Presidente Americano James Madison, em 1751.

James Maddison foi o quarto presidente dos Estados Unidos da América (entre 1809-1817) e as suas ações foram determinantes para que, a 4 de julho de 1966, fosse criada a Lei de Liberdade de Informação (Freedom of Information Act – FOIA), no Estados Unidos. Segundo esta lei, todos os cidadãos têm direito a aceder a informação estatal (que não se encontre excecionalmente protegida). Isto é, todos devem ter a possibilidade de conhecer dados do governo que os envolvam, quer seja ao nível social como financeiro e tributário.

De notar que o dia mundial da liberdade de informação celebra-se durante a “Sunshine Week”, de origem Norte-americana que ocorre em meados de março. Durante esta semana, centenas de organizações, grupos civis, associações sem fins lucrativos, escolas e outros participantes integram discursos políticos acerca da importância de um governo aberto e como tal melhora aspetos económicos e sociais do país. Em simultâneo, se destacam artigos jornalísticos e de opinião, infográficos, editoriais, publicidade e seminários acerca da temática.

O dia mundial da liberdade de informação é celebrado em todo mundo, como forma de festejar a conquista pela circulação livre de informação, mas também para que se dê a conhecer à população este mesmo direito, mostrando que devemos assegurar a possibilidade de acesso a toda a informação que nos é devida.

Uma maneira de, pessoalmente, celebrarmos a data, é convertê-la em gestos diários. Por exemplo, se um colega ou amigo nos questionar sobre algo, devemos demonstrar interesse e preocupação em transmitir todos os detalhes úteis e relevantes associados à sua dúvida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: